Talvez o design moderno seja uma ideologia

Aqui estamos, no século XXI, e as coisas modernas que criamos geralmente têm relevância global porque são centradas nos humanos e temos necessidades comuns. Falámos de luxo, e depois vemos na TV alguém a nadar em Bali e o mar está cheio de plástico. Não quero fazer parte disso. Poluição de embalagens. Desenhar uma bonita cadeira de plástico para a Moroso não vai parar ao mar, não vai. Há que qualificar as coisas. Ter isqueiros que custam 50 cêntimos ou chinelos que se partem e se deitam fora, embalagens de comida, garrafas. Talvez o design moderno seja uma ideologia e a partir dela venham objectos. Há que perceber que o mundo opera não em torno do dinheiro mas sobre o conceito, o design, do fabrico e venda de coisas.

Da entrevista ao designer Ross Lovegrove.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s